15 de fev de 2012

VAGAS chega à marca de 100 mil membros no Linkedin


Utilizando as redes sociais como estratégia de negócios, a VAGAS chegou aos 100 mil membros no Linkedin, se tornando assim o maior grupo da rede no Brasil. Com este resultado, a empresa passa a contar com cerca de 700 mil pessoas conectadas às suas páginas no Twitter, Linkedin, Orkut e Facebook.

Um dos recursos dos grupos do Linkedin é a divulgação de vagas nas “discussões de carreira” ou “job discussions”. As empresas clientes VAGAS podem utilizar este espaço como mais um canal para publicação de suas oportunidades, que serão vistas pelos membros que recebem o resumo diário u semanal do grupo ou que pesquisam os tópicos publicados.

“Cada rede possui um público específico, com objetivo e ações diferenciadas. Utilizamos várias estratégias de acordo com o perfil e a necessidade do candidato e da empresa. Esses números mostram que as pessoas nos enxergam como fonte de informação em carreira e emprego. Também prova que nossa estratégia de atuação foi certeira”, explica Luís Testa, gerente de Vendas da VAGAS Tecnologia.

O Orkut foi o primeiro alvo da companhia nas redes sociais. Nele a VAGAS criou, em 2006, uma das primeiras comunidades destinadas a debater assuntos relacionados à carreira.

Em 2009, a VAGAS ampliou sua atuação para o Linkedin e Twitter. No microblog, o @vagas conta hoje com mais de 330 mil seguidores, sendo o maior canal de carreiras no mundo. Com base no sucesso desta experiência, a VAGAS ampliou sua presença até atingir os atuais 54 canais, divididos de acordo com regiões e área de atuação, contando hoje com mais de 500 mil seguidores.

“Estar nas mídias sociais é ter a capacidade de ouvir. Hoje mantemos um diálogo permanente com candidatos e empresas nas redes sociais. Isso nos ajuda a aperfeiçoar nossos softwares, nosso portal de empregos e até a melhorarmos nossos processos de negócios”, esclarece Testa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário