17 de jan de 2013

Seis dicas para acertar nas contratações dos talentos de TI


O site Computerworld listou seis dicas que vão ajudar você a identificar os profissionais mais adequados para a sua equipe. Confira logo abaixo:

Nathan Brown é um dos muitos CIOs com experiência em diferentes setores, comércio, governo, organizações sem fins lucrativos, etc. Hoje está em uma posição de liderança de TI na Care.com depois de recentemente ter deixado o papel de diretor sênior de TI  da Year Up, empresa de recrutamento de profissionais de TI, e foi anteriormente CIO da Harvard Law School.

Independentemente do setor para o qual está contratando, Nathan tem seis regras que segue à risca na construção de uma nova equipe.

1. Não contratar por desespero.

2. Nunca ignorar uma bandeira vermelha.

3. Ajustar questões de personalidade.

4. Conjuntos de habilidades são, por vezes, menos importantes.

5. Envolver os líderes de equipe no processo.

6. Entrevistar todas as possíveis contratações internas antes de fazer uma oferta, mesmo que o profissional interno não se reporte diretamente a você.


Nathan Brown respondeu ainda três perguntas feitas pela equipe da CIO americana sobre sua fórmula para não errar na contratação de pessoal.

CIO - O que você aprendeu sobre contratação de profissionais, trabalhando para organizações sem fins lucrativos?

Para muitos, a contratação de posições para organizações sem fins lucrativos não é muito diferente da contratação para empresas que correm atrás do lucro. No entanto, geralmente os salários oferecidos são menores e não há opções de ações. Devido a isso, foco em buscar pessoas apaixonadas por uma missão ou as pessoas que têm o objetivo de usar a posição como um trampolim.

Também sou cuidadoso para não exagerar na exigência de habilidades. Olho para as pessoas que podem crescer na função.  Se o candidato não objetiva crescer e superar desafios, então ele provavelmente não tem a motivação que estou procurando.

Leia a matéria completa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário